Volta para a casa do Pai!

Monsenhor Jonas Abib nesta pregação, no ano de 2015, fala sobre a volta do filho pródigo para o seu pai, que o acolhe com misericórdia. É assim que Deus faz com cada um dos seus filhos, porque Ele é um Pai cheio de misericórdia!

Perde a dignidade de filho

Ele  não era mais digno de ser chamado filho, mas estava próximo ao pai. Ele ia se encontrar com o pai; ele ia poder ver o irmão .

Na passagem de Lucas 15,19 diz: ‘Trata-me como a um dos seus empregados’. Ele sabia que o seu pai tratava bem o seus empregados. ‘Levantou-se pois, e foi ter com o seu pai.’ Ele pensou primeiro, fez os cálculos, voltou para a casa. O se levantar diz que ele tomou uma decisão. Meu filho, minha filha, tome a decisão agora. É tempo de misericórdia . Levante-se! Levante a cabeça, levante o coração!

O pai viu o filho, em farrapos, mas de longe o reconheceu. Ele o abraça e o beija. O pai devolve a ele a dignidade de filho. ‘E pondo-lhe calçados nos pés.’ Porque o filho realmente estava a pé, perdeu tudo.

Veja mais:

.:Sejamos misericordiosos como o Senhor!
.:Vivemos em uma profecia: o tempo da Misericórdia!
.:Somos um reflexo da misericórdia de Deus

Volta, meu filho!

‘E trazei-lhe um novilho gordo e matai-o. Comamos e façamos uma festa.’ E agora vem o mais importante: ‘este meu filho estava morto.’ O pai é realista dizendo que o filho estava morto, mas reviveu. Se você volta para o Pai hoje, se confessa, se arrepende, se deixa a vida errada, você vai reviver. É hora de voltar! Volta meu filho!

Quanta gente perdida neste mundo. Talvez você seja um desses perdidos por grandes coisas ou por pequenas coisas.

Assim como o pastor achou a ovelha perdida, o Pai me encontrou. Assim como aquela mulher encontrou a moeda perdida, o Pai me encontrou.

“Confiei no Teu amor e voltei, sim aqui é o meu lugar. Eu gastei teus bens ó pai e te dou este pranto em minhas mãos.”

 

Assista um trecho da pregação:

Pai das Misericórdias e Deus de toda consolação, ouvi-nos!