DEVOÇÕES SEMANAIS

Terças-Feiras: Dedicado aos Santos Anjos da Guarda

A Igreja nos convida a dedicar nossas orações aos Santos Anjos

Às terças-feiras, a Igreja nos convida a dedicar nossas orações aos Santos Anjos, de forma especial aos Anjos da Guarda. Muitos santos tinham esta devoção especial aos anjos, dentre os mais conhecidos temos São Padre Pio. Quero dedicar essa formação de hoje a falar da presença dos Anjos na nossa vida. São inúmeras passagens bíblicas que trazem a presença deles.

Uma das mais lindas é a que se revela no livro de Tobias com a presença do Arcanjo Rafael. No entanto, quero partilhar a presença dos anjos narrada no livro de 2Reis 6,15-17. Havia uma guerra entre Israel e os arameus. O rei de Aram estava tramando planos contra Israel, porém Deus revelava os planos do rei ao profeta Eliseu. Este comunicava o rei de Israel a respeito dos planos inimigos, e assim os israelenses conseguiam se desvencilhar das emboscadas.

Foto: /formacao_consagracao-e-oracao-aos-santos-anjos-da-guarda-

 

Deus nos presenteou com Anjos protetores que estão a nosso serviço

Esse fato aconteceu algumas vezes a ponto do rei de Aram suspeitar que estava sendo traído por seus oficiais. Mas um deles disse ao rei de Aram: “Ninguém está te traindo meu rei; é Eliseu, o profeta de Israel, que revela ao rei de Israel até mesmo as palavras que dizes no teu quarto de dormir” (v.12) Com esta informação, o rei de Aram ordenou a captura do profeta Eliseu e enviou um poderoso exército para a montanha em Dotã, onde residia Eliseu.

Na madrugada, estando o exército inimigo a postos para prender o profeta, o servo do profeta levantou-se bem cedo e saiu, encontrando o batalhão que cercava a cidade com cavalos e carros. Ele retorna rapidamente e aflito ao profeta e lhe explica a situação. Então Eliseu lhe diz: “Não tenhas medo, pois são mais numerosos os que estão conosco que os que estão com eles.” Eliseu orou, dizendo: “Senhor abre seus olhos para que veja!” E o Senhor abriu os olhos do servo e ele viu a montanha coberta de cavalos e carros de fogo em torno de Eliseu! (v. 16-17)

Que exército de fogo era este? Os anjos de Deus! Sim meus irmãos, Deus nos presenteou com Anjos protetores que estão a nosso serviço para nos defender dos anjos decaídos, dos demônios, para nos guardar em todas as situações, para iluminar nosso caminho de maneira que não tropecemos em nenhuma pedra, para nos governar em todos os nossos dias. São Paulo nos ensina que nossa batalha não é contra a carne, mas contra os principados, potestades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra os espíritos malignos espalhados pelos ares (Ef 6,12).

Logo, se somos afligidos por seres espirituais, precisamos clamar a defesa espiritual que Deus nos dá: os Santos Anjos, de forma especial nossos Anjos da Guarda. Antes de concluir, gostaria de trazer mais um ensino. A Igreja nos catequiza que há nove coros dos Anjos. São eles: Serafins, Querubins e Tronos, dedicados a adorar, amar e glorificar a Deus ininterruptamente em grau bem mais elevados que os outros coros; Dominações, Potestades e Virtudes, responsáveis por vigiar o comportamento da humanidade, dirigem os planos da Eterna Sabedoria; Principados, Arcanjos e os Anjos, estão mais próximos a nós, conhecendo, portanto, a fundo a natureza de cada pessoa que devem assistir; eles executam as ordens do Senhor.

Para saber mais sobre os Santos Anjos, sugiro a leitura do Livro Anjos Companheiros do Dia a dia, do Padre Jonas Abib.

Que, a partir de hoje, você possa invocar a proteção dos Anjos, de forma especial do seu anjo da guarda. Reze todos os dias a ele – de forma especial nas terças-feiras.

 

Deus abençoe!

 

Deixe seu comentários

Comentário