Criados para a imortalidade

“Não será um servo inútil se entender que os filhos de Deus foram criados para a imortalidade”. Homilia do Pe. Anderson Marçal no Santuário do Pai das Misericórdias celebrado dia 10 de novembro de 2015.

Naquele tempo, disse Jesus: 7“Se algum de vós tem um empregado que trabalha a terra ou cuida dos animais, por acaso vai dizer-lhe, quando ele volta do campo: ‘Vem depressa para a mesa?’ 8Pelo contrário, não vai dizer ao empregado: ‘Prepara-me o jantar, cinge-te e serve-me, enquanto eu como e bebo; depois disso poderás comer e beber?’ 9Será que vai agradecer ao empregado, porque fez o que lhe havia mandado? 10Assim também vós: quando tiverdes feito tudo o que vos mandaram, dizei: ‘Somos servos inúteis; fizemos o que devíamos fazer’”. (Lc 17,7-10)

“Se não entendemos o que o Senhor quer dizer com essa Palavra, vamos sair daqui deprimidos, ‘Somos servos inúteis’,  Jesus não quer que sejamos empregados ou servos, que apenas prestemos um serviço à Ele, porque nem isso sabemos fazer e dai terminaríamos o dia dizendo somos servos inúteis.
Deveríamos nos perguntar ou já ter a resposta: Quem eu sou? e entender o porque Deus me criou.
Ele criou o homem para a imortalidade e o fez a Sua própria imagem; não será um servo inútil se entender que os filhos de Deus foram criados para a imortalidade”.

Deus abençoe você!