Obras de misericórdia para alcançar indulgência e ser íntimo de Deus

Nesta sexta-feira da Quaresma, 19 de fevereiro, o Padre Marcio Prado celebrou a Santa Missa, às 7h, no Santuário do Pai das Misericórdias.

O vice-reitor do Santuário do Pai das Misericórdias nos exorta a bem viver este tempo quaresmal na busca da conversão. O sacerdote se debruçou sobre as obras de misericórdia como forma de alcançar indulgência e caminho de união com Deus.

O Evangelho é de São Lucas: “Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: “Se a vossa justiça não for maior que a justiça dos mestres da Lei e dos fariseus, vós não entrareis no Reino dos Céus.
Vós ouvistes o que foi dito aos antigos: ‘Não matarás! Quem matar será condenado pelo tribunal’.
Eu, porém, vos digo: todo aquele que se encoleriza com seu irmão será réu em juízo; quem disser ao seu irmão: ‘Patife!’ será condenado pelo tribunal; quem chamar o irmão de ‘tolo’ será condenado ao fogo do inferno.
Portanto, quando tu estiveres levando a tua oferta para o altar, e ali te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti,
deixa a tua oferta ali diante do altar, e vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão. Só então vai apresentar a tua oferta.

Procura reconciliar-te com teu adversário, enquanto caminha contigo para o tribunal. Senão o adversário te entregará ao juiz, o juiz te entregará ao oficial de justiça, e tu serás jogado na prisão. Em verdade eu te digo: dali não sairás, enquanto não pagares o último centavo’.” (Mt 5, 20-26)

Assista à homilia na íntegra:

 

Escute, também, a HOMILIA do Padre Vagner Baía, da Santa Missa das 7h.

Acesse a liturgia do dia.

Deus abençoe você!

Pai das Misericórdias e Deus de toda a consolação, ouvi-nos!